Rising Lords – Review

0
2
Rising Lords
Rising Lords

Rising Lords é um jogo de tabuleiro em formato digital desenvolvido pela Argonwood e distribuído em parceria com a WhisperGames. Existem alguns jogos por aí trilhando essa linha tênue hoje em dia. Rising Lords consegue manter o ambiente geral de um jogo de tabuleiro com alguns recursos que só o computador pode oferecer. A direção de arte dá a impressão de livros ilustrados.

Não jogo muitos jogos de tabuleiro atualmente. A ideia de um jogo de tabuleiro digital é muito bem vinda, principalmente para quem está interessado em uma campanha solo, com cenário e enredo medievais bem escritos. Confesso que não avancei muito no jogo a ponto de opinar mais a fundo sobre tal ponto.

O jogo se divide entre fazer a gestão da cidade, seja coletando impostos e recursos. Ordenando racionamento e trabalhando nos campos. Forjando armas, modelando o campo de batalha a seu gosto, construindo exércitos e poderosas cidades fortificadas. Ajude o povo a se tornarem cavaleiros, ou abandone-os em um campo de batalha.

Rising Lords

O combate é bem envolvente, as batalhas são bem simples e são basicamente uma questão de manter o líder vivo enquanto defende seu território. A jogabilidade com cartas envolve principalmente bônus simples que dão às suas unidades uma vantagem.

Tudo depende de como você se sente sobre jogos de tabuleiros e mecânica de combate baseada em turnos. Leva algum tempo e requer paciência para dominar a mecânica e entender como você pode otimizar seus ataques. Você deve levar em consideração a moral das unidades e o terreno, bem como os bônus das cartas. 

Se uma unidade estiver em uma grade hexagonal de assentamento, ela terá uma defesa melhor e assim por diante. No geral, acho que haverá muito do que gostar aqui se você gosta de jogos de tabuleiro e combate por turnos em formato digital.

Rising Lords

Não posso deixar de falar o quanto fico feliz de ver um jogo desse estilo em português, fazendo com que o jogo seja ainda melhor para nós brasileiros. Percebi alguns trechos de texto aqui e ali que não foram traduzidos. Mas não chegou a tirar o brilho dos meus olhos ao ver tudo em português.

O jogo é relativamente complexo, e leva um bom tempo para se ambientar e começar a realmente dominar todas as mecânicas, porém, assim que pega o ritmo se torna muito divertido e pode atrair tanto jogadores mais experientes de jogos de tabuleiro, como os novatos que querem se aventurar neste mundo hexadecimal.

Artigo anteriorAquanox Deep Descent entrará em acesso antecipado
Próximo artigoSpirit Oath – Review
Apaixonado por games desde sempre, tive o prazer de acompanhar grande parte da evolução e decadência do mundo dos games. RPG, Ação, Aventura, FPS, etc etc etc jogo quase tudo.

Deixe um comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.